“Não adianta, eu não consigo”.

leg

Você já se pegou dizendo isso diante de coisas que você nem tentou começar? Eu ouvi muitas pessoas comentando que reconhece a importância de se aprender inglês nos dias de hoje mas que não tem facilidade com o idioma.

Mas pergunto: quem é que tem?

Um idioma é sempre complexo mesmo quando é bem semelhante ao nosso como no caso do espanhol, assim é natural pensar que inglês é mais difícil. Mas eu lhe garanto que não é. Você leitor, com qualquer idade ou grau de escolaridade, é perfeitamente capaz de aprender com apenas dedicação e os recursos certos. Veja essa associação:

Quando nós estamos dirigindo nós não percebemos quantas coisas estamos fazendo simultaneamente, quando nós estamos falando em Inglês isso deve acontecer também.

dirigirVou detalhar um pouco a idéia. Quem já tirou carteira de motorista vai entender o que eu quero dizer. As primeiras aulas na auto-escola são um tormento para o aluno, parece quase impossível lembrar de tanta coisa ao mesmo tempo – manobras, marchas, pedais, o cinto de segurança, setas – como se não bastasse isso tudo, cada um deve ser “ativado” em uma ordem determinada. Isso para não falar dos outros carros, parecem conspirar contra você, querem atrapalhar de qualquer jeito a sua vida, querem bater no seu carro, verdadeiros inimigos ambulantes. Acho que exagerei um pouco, mas é quase isso que acontece. Depois de algum tempo toda aquela dificuldade inicial, como que num passe de mágica, desaparece. Mas como? Na verdade o nosso cérebro assimila aquilo tudo e transforma em conhecimento permanente, ou seja, em coisas que a gente não precisa “pensar” para fazer. Você pára pra pensar em como vai escovar os dentes? É claro que não!

Com o inglês acontece o mesmo, quando estamos começando a estudar é complicado lembrar de tanta regra e tanto vocabulário novo. O segredo é praticar todos os dias, com o tempo aquele conhecimento se torna tão comum que a gente usa naturalmente. Vou dar um exemplo, observe o diálogo:

Hi. How are you?
I’m fine thank you. And you?
I’m fine too, thank you.

Você parou para tentar traduzir? Provavelmente não, essa é a primeira situação ensinada em qualquer curso de idiomas. De tanto ouvir, provavelmente você já assimilou. Portanto, estude o máximo que puder, até o dia em que conseguir pensar em Inglês, depois é só colher os louros da vitória.

Deixe um comentário

Nenhum comentário ainda.

Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  • Ganhe o mundo aprendendo inglês de qualidade sem gastar muito

    O futuro que você sempre desejou está aqui

    Mais fotos
  • Enquete

  • Arquivos com todos os posts

  • mais acessados